Acessibilidade

Segunda edição da Feira Internacional de Empreendedores começa em Manaus neste sábado (16/10)

Evento proporciona melhores condições de negócios no estado para refugiados e migrantes

FOTOS: Eduardo Santos/Sejusc

Gastronomia, artesanato, apresentações culturais, oportunidades de negócios e muita diversão. Tudo isso vai estar reunido na segunda edição da Feira Internacional de Empreendedores (FIE), que acontece neste sábado e domingo (16 e 17/10), das 10h às 20h, no Salão de Eventos Rio Solimões – Centro Cultural Palácio Rio Negro, na avenida Sete de Setembro, Centro de Manaus. A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) e Organização Internacional para Migrações (OIM).

Participam do evento, durante os dois dias, 30 expositores da Colômbia, Venezuela, Haiti e Brasil. A feira conta com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

Para a secretária titular da Sejusc, Mirtes Salles, a feira reforça o compromisso social do Governo do Amazonas e é uma forma de ajudar os migrantes e refugiados a buscar espaço no mercado de trabalho.

“Nosso trabalho é buscar de todas as formas oferecer um atendimento social humanizado. E essa parceria nos dará um mecanismo para melhor atender essas demandas. Sempre é preciso ter um olhar diferenciado para as pessoas em situação de vulnerabilidade aqui no estado”, disse Mirtes.

Conversa – A haitiana Jaqueline Marseille, 61, que mora em Manaus há dez anos, disse que a feira só tem a somar na vida dela. “Hoje eu trabalho com tranças, mas antes da pandemia trabalhei como cozinheira, e, devido a muitas portas se fecharem, fiquei desempregada. Participei da primeira edição da feira internacional e vou participar da segunda também, pois ela nos ajuda a ganhar uma renda extra”, ressaltou Marseille.

Oportunidade – O objetivo da feira é expandir a cultura, gastronomia e incentivar a geração de renda e negócios dos refugiados e migrantes que vivem em Manaus e foram afetados pela pandemia da Covid-19, além de proporcionar aos empreendedores, uma melhor qualidade de vida para suas famílias.

O evento é gratuito e segue todos os protocolos de higiene e prevenção à disseminação do novo coronavírus. A entrada será permitida apenas mediante apresentação da carteirinha de vacinação contra a Covid-19 (1ª dose) e uso de máscaras.

A primeira edição da FIE ocorreu nos dias 31 de julho e 1º de agosto deste ano, no Centro Cultural Palácio da Justiça, e contou com a participação de aproximadamente 400 pessoas.